O processo respiratório e o exercício do desapego

(Vivemos num século em que as coisas inúteis são as mais necessárias – Oscar Wilde).




Qual é a única atividade que fazemos o tempo todo de nossas vidas, de forma contínua, automática e inconsciente? É o ato de respirar, vital para nossa sobrevivência física. Em que consiste? Consiste em inspirarmos (trazendo para dentro de nós) o oxigênio (junto com outros gases) necessário para nossas vidas, e expirarmos (expulsando de nós) o gás carbônico (junto com outros gases) que não podem ficar em nosso corpo. Ou seja, além de trazermos algo benéfico para dentro de nós, temos que continuamente colocar para fora gases que nos fariam mal, se permanecessem dentro de nossos pulmões (caso do gás carbônico, que é um gás tóxico para o ser humano). Fazendo um paralelo com o plano emocional/sentimental/espiritual de nossas vidas, para mantermos boa saúde é necessário não somente trazermos para nós elementos (sentimentos, sensações, percepções, relacionamentos, conhecimentos, objetos, etc.) favoráveis à nossa saúde, mas que também saibamos afastar/expulsar de nós os elementos prejudiciais à nossa saúde. Não basta atrairmos as coisas boas para junto de nós, é também essencial que saibamos afastar de nós as coisas que nos sejam prejudiciais (como expulsamos o gás carbônico de nossos pulmões ...). Seria esse o verdadeiro exercício do desapego?




5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

“É o tempo da travessia: e se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.” (Fernando Teixeira de Andrade) Já reparou que nós vivemos um tempo em que somos obrigados a se